Publicada em: 15/05/2019 16:44

Transformações do profissional de Enfermagem é destaque em evento da UEA

A 16ª Semana de Enfermagem da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) propôs uma programação diversificada de palestras ministradas durante a manhã desta quarta-feira (15/05). O circuito do evento, que iniciou na segunda (13/05), abordou diálogos com os alunos sobre questões estruturais relacionadas às diversas frentes de atuação profissional nesse segmento, visando promover o avanço científico e tecnológico para profissionais e estudantes no cenário estadual.

Com a proposta de reflexão acerca do compromisso profissional consoante ao modelo das Politicas Nacionais de Atenção Básica de Saúde, a docente da UEA, Lara Bezerra, falou sobre a importância da humanização do atendimento, como uma maneira de atualizar os dados coletados pelas equipes de enfermagem para o Sistema Único de Saúde (SUS). "O Ministério da Saúde trabalha com indicadores que direcionam recursos financeiros à Atenção de Saúde Básica, e o enfermeiro atua de maneira mais próxima ao paciente para indagá-lo sobre possíveis mudanças de saúde familiar", comentou.


A mesa redonda articulada entre os alunos destacou o tema "Representatividade do Centro Acadêmico na Enfermagem", suscitando o debate sobre as possibilidades de protagonismo, união e a valorização da classe enfermeira, além dos desafios técnicos da graduação. Foi realizada ainda uma homenagem a figuras pioneiras na área da Enfermagem, a brasileira Ana Néri (1814-1880) e a britânica Florence Nightingale (1820-1910).


Erasmo Vieira, enfermeiro assistencial do Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, palestrou sobre o empreendedorismo na Enfermagem, destacando realizações e modificações positivas do ramo que partiram de iniciativas de enfermeiros. "A ideia é proporcionar uma visão diferente ao cenário comum com a expansão de mercado influenciada por novas tecnologias", salientou.